domingo, 11 de novembro de 2007

MATRIZ, 0 AFC, 3: Vitoria clara no arranque do campeonato



Foi uma bela maneira de começarmos o campeonato Inter-Freguesias da Póvoa de Varzim: vitória por 3-0 em Argivai, frente à equipa de Matriz. Mas mais importante ainda, tratou-se de um jogo agradável, com muito bom ambiente e em que a equipa do Averomar FC apresentou um futebol agradável, mesmo em início de temporada.

A partida teve desde o início grande domínio do AFC, que assentou arraiais no meio campo da Matriz e quase não saiu de lá, marcando em cima a saída de bola do adversário e criando muitas oportunidades de golo desde o apito do árbitro.

Além desta pressão muito perto da área adversária, os dois defesas da nossa equipa nesta fase, Fábio e João Paulo, não davam hipóteses de contra-ataque, o que levou a que se tornasse um jogo de sentido único.

As primeiras oportunidades couberam ao Vítor, que bem tentou mas não conseguiu marcar, apesar de dois bons remates defendidos pelo guarda-redes de Matriz. Depois foi o Octávio a ter o golo nos pés, seguido imediatamente pelo Fábio, que rematou de longe perto do poste, mas a bola teimava em não entrar. Isto apesar das boas jogadas realizadas, quer pelo lado direito (Bruno Daniel a ir à linha), quer pelo centro (com destaque para as arrancadas do Bruno).

Entretanto, entrou em campo o João Marques, que logo mostrou estar cheio de força e muita vontade. E seria ele a fazer o primeiro golo, já perto do intervalo, quando parecia que o 0-0 se ia manter até ao descanso. Um grande golo, através de um pontapé cruzado que entrou junto ao ângulo direito da baliza. Estava feita justiça no marcador.



A segunda parte começou como terminara a primeira: com muito domínio (total) do AFC e com uma equipa renovada em campo, incluindo o Paulinho, o Bruno Ferreira e o João Marques, todos eles a jogarem muito bem. E podíamos ter ganho maior vantagem no placar não fosse o azar continuar a impedir o golo, bem como uma atitude lutadora da Matriz que nunca baixou os braços.

Mas de tanto insistir, o golo iria aparecer. Mais uma jogada fantástica do Bruno (que grande exibição), a furar pelo meio, através das suas fintas desconcertantes e a dar para o lado, para Octávio encostar sem piedade para o fundo das redes. Estava feito o 2-0 e houve direito a espectáculo extra com o salto mortal do Octávio, "à Nani". Grande momento.

Nesta altura já haviam voltado ao jogo o Vitor e Bruno Daniel, que em conjunto tiveram várias hipóteses de golo, na sequência de muitas e belas jogadas colectivas. Mas seria o Fábio, que jogou quase sempre no meio campo ( e muito bem), a fazer o mais bonito golo da tarde, com um remate de muito longe, em arco, ao canto superior esquerdo. Um golaço do capitão.

Diga-se que tambem o guarda-redes suplente Zé Carlos jogou uns bons 15 minutos, acabando por ter a única intervenção digna de registo na baliza saindo muito bem a pontapé.

O AFC teria ainda nos últimos minutos mais algumas situações de golo, mas o resultado acaba por se aceitar até porque a Matriz lutou muito e não merecia perder por mais golos de diferença.

No final, os jogadores das duas equipas cumprimentaram-se com muito desportivismo como sempre deve acontecer, o mesmo acontecendo com os treinadores e o árbitro. Um jogo que foi exemplar neste aspecto.

Pelo AFC jogaram:

Eduardo (1); João Paulo (20) e Fábio (10); Bruno (22); Bruno Daniel(5), Victor(9) e Octávio(17)

E ainda;

Zé Carlos(24), João Marques(7), Paulinho(18) e Bruno Ferreira(16).

Golos: João Marques, Octávio e Fábio

Um comentário:

Cassia disse...

gostaria de saber o telefone da escolinha AFC, pois me interessei em colocar meu filho de 5 anos.
grato e esperando o retorno.
Melchsedec.

Ps.: zedek_silvas@hotmail.com